Pinterest Marketing: A Estratégia Secreta para Gerar Tráfego Orgânico
pinterest marketing, marketing pinterest, pinterest o que é

Pinterest Marketing: A Estratégia Secreta para Gerar Tráfego Orgânico

Neste artigo vou revelar-lhe uma estratégia de marketing de conteúdo que poucas pessoas conhecem, e que você poderá aproveitar para gerar mais tráfego orgânico.

Segundo o statista.com, o Pinterest tem à data deste artigo cerca de 250 milhões de utilizadores ativos em todo o mundo.

E em Portugal, segundo um estudo da ComScore, o Pinterest é surpreendentemente o 3º site de redes sociais com mais visitantes únicos, e com tendência para crescer.

pinterest marketing, marketing pinterest, pinterest o que é

Para além de ser a 5ª app de redes sociais mais usada em Android.

Um mercado por explorar portanto, e que por enquanto está subvalorizado.

Como tal, prepare-se para começar a fazer a diferença e a ganhar uma vantagem competitiva em relação à sua concorrência.

O que é o Pinterest?

pinterest marketing, marketing pinterest, pinterest o que é

Se você não é um utilizador do Pinterest, pode muito bem ter essa pergunta em mente.

E a resposta é:

O Pinterest é um motor de busca visual.

Em vez de procurar no Google para obter resultados de texto, no Pinterest os resultados de pesquisa serão imagens chamadas “pins”.

E esses “pins” são como portas para uma peça de conteúdo do seu site (a grande vantagem!).

Por outro lado, o Pinterest é também uma rede social.

Mas uma rede social diferente das outras...

No Facebook ou Instagram você só vê conteúdo de pessoas que você “segue” ou “gosta”.

Apesar de o Instagram ter uma funcionalidade para explorar imagens de desconhecidos, tem a grande limitação de não possibilitar a inclusão de um link direto para o seu website.

Com estas plataformas, você normalmente receberá menos tráfego do que o número de seguidores que tem...

Para além de o alcance dos seus posts ser limitado temporalmente, obtendo exposição no máximo por 2 dias.

No Pinterest, pelo facto de ser um misto de motor de busca e rede social, é possível gerar mais tráfego orgânico do que o número de seguidores que tem.

O que significa que existe menos fricção e o potencial de tráfego orgânico para o seu site é superior a qualquer outra rede social.

É possível seguir pessoas no Pinterest, mas a vasta maioria dos utilizadores usa a funcionalidade de pesquisa para encontrar imagens tanto de pessoas que seguem, como de pessoas (ou marcas) desconhecidas.

Assim que encontram uma imagem que gostam, os utilizadores podem pôr um “pin” nos seus “boards” (álbuns). Podem também seguir a pessoa que criou essa imagem, para receber novidades mais facilmente (recebendo notificações).

Em última análise, o Pinterest é uma máquina inexplorada para crescer a sua audiência.

É possível alcançar pessoas que ainda não têm uma ligação com a sua marca, em vez de apenas alcançar pessoas que seguem a sua página (como nas outras redes sociais).

Porquê o Pinterest para Marketing?

pinterest marketing, marketing pinterest, pinterest o que é

No Pinterest você pode publicar imagens relevantes relacionadas com o seu marketing de conteúdo e artigos de blog.

Estas imagens servirão como “portas” para o seu conteúdo a partir do maior motor de busca visual do mundo, o que ajudará de duas formas:

Primeiro, pode encontrar uma nova audiência que potencialmente ainda não conhece o seu conteúdo.

E segundo, estará a criar uma rede de “backlinks” do Pinterest para o seu website, o que pode ajudar no seu SEO e obter melhores rankings no Google.

Cada “pin” que criar vai não só atrair novos visitantes para o seu site, mas também os motores de busca, aumentando por consequência o seu tráfego e autoridade.

Apesar de o perfil demográfico masculino estar a crescer, o Pinterest ainda é constituído maioritariamente por mulheres, com cerca de 80%.

Mas mais importante que isso, é constituído por pessoas de classes sociais média/alta, que gastam dinheiro online.

Isto significa que os utilizadores do Pinterest têm mais probabilidade de comprar os seus produtos do que em outras redes sociais.

Portanto, se o seu público-alvo for maioritariamente feminino, o Pinterest funcionará de maneira incrível. Mas não se limita a isso, o potencial é tremendo para todo o tipo de negócios.

Outro ponto importante é perceber a maneira como as pessoas usam a plataforma, para que possa estruturar o seu conteúdo de maneira a que se adapte ao Pinterest.

A maneira mais comum de as pessoas usarem é criando “boards” sobre tópicos específicos.

Um “board” (álbum) é simplesmente um conjunto de “pins” guardados, todos relacionados com o mesmo tópico.

Vejamos um exemplo concreto, para que perceba o grande potencial do Pinterest:

Imagine que você quer decorar a sua sala.

Primeiro, você cria um “board” (álbum) chamado “decoração da sala”, onde irá guardar tudo o que encontrar.

Ao pesquisar no Pinterest por “sofá em L”, encontra uma imagem que gosta, clica em “guardar” e coloca no seu álbum “decoração da sala”.

Repete este processo com candeeiros, mesas, papel de parede, etc, e guarda tudo no seu álbum.

Quando chega a altura de começar a decorar a sua sala, vai simplesmente ao seu álbum e clica em todos os seus “pins”, que levam ao website do vendedor…

Onde pode comprar os produtos em apenas alguns cliques!

Como vê, as pessoas não usam o Pinterest apenas para ver imagens “bonitas”...

Estão a categorizar coisas com o intuito de as comprar num futuro próximo!

Como Estruturar e Optimizar o Seu Conteúdo no Pinterest

pinterest marketing, marketing pinterest, pinterest o que é

Existem 2 níveis no Pinterest que você precisa de optimizar:

“Boards” (Álbuns)

Os “Pins” da sua conta serão guardados e categorizados em álbuns. Estes álbuns não existem por defeito, pelo que deve criá-los à sua medida.

Recomendo que os seus álbuns reflitam as categorias do seu blog, ou as categorias do seu negócio.

Idealmente, deve começar com pelo menos 8 álbuns. E se tiver problemas em encontrar ideias, faça a seguinte pergunta:

“Que outro tipo de coisas é que o meu público-alvo está interessado?”

Ponha a sua criatividade a funcionar, e inspire-se no que os líderes do seu nicho de mercado estão a fazer. Não se foque apenas no seu negócio… lembre-se de outros tópicos relacionados que sejam do interesse da sua audiência.

​“Pins”

Assim que tem os seus álbuns criados, tem duas maneiras de os preencher: adicionando os seus próprios “pins”, ou adicionar “pins” de outros utilizadores.

A vantagem de adicionar os seus “pins” é o facto de criar links para o seu website e conteúdo.

E a vantagem de adicionar “pins” de outras pessoas é o facto de poder adicionar imagens de qualidade aos seus álbuns de maneira mais rápida, tornando-os ainda mais atraentes.

Mas foque-se em adicionar os seus próprios “pins”, pela razão óbvia (os links!). E estes devem ser publicados no seu artigo de blog ou página de produto.

Publique imagens no tamanho standard do Pinterest (700 pixéis por 1100 pixéis) no seu website, e ajuste o seu tamanho dentro do conteúdo da sua página.

Desta maneira permite que os visitantes do seu website vejam uma versão menor, mas quando essa imagem é “pinned”, aparecerá no tamanho original no Pinterest.

Se o seu website for criado em WordPress (como recomendo vivamente), existe um plugin chamado “Pinterest Pin It Button On Image Hover And Post” que faz com que seja muito fácil você (e qualquer pessoa) fazer “pin” das imagens a partir dos seus artigos.

Vai automaticamente adicionar um botão “Pin it” em cada imagem, que será visível sempre que alguém passar o rato por cima.

Ao clicar em “Pin it”, aparece uma janela pop-up que mostra a descrição e a imagem, e que permite guardar no Pinterest como "pin".

Assim que publicar o seu artigo, ganhe o hábito de imediatamente colocar um pin na sua própria imagem.

Isto irá dar um sinal aos motores de busca, irá criar um link para a sua página e ajudar o seu post a ser indexado mais rapidamente…

“Pins” Normais VS “Pins” Detalhados

pinterest marketing, marketing pinterest, pinterest o que é, pinterest pins, pins detalhados

Como dito atrás, um “pin” é uma imagem que tem normalmente o formato de um rectângulo vertical. Este formato é especificamente vocacionado para os ecrãs dos smartphones, pelo que o tamanho ideal é 1100x700 pixéis.

As infografias são bastante populares no Pinterest, e são normalmente maiores que o tamanho standard, mas o ideal é manter sempre o mesmo tamanho nos seus pins, para que os seus álbuns sejam apresentados de forma linear e organizada.

Se fizer upload dos seus “pins” no Pinterest a partir de uma conta pessoal (e não conta de empresa), poderá escolher uma página do seu website como link…

No entanto, se tiver uma conta de empresa (que recomendo vivamente) e se adicionar a função de pins detalhados, o seu “pin” incluirá a metadada da página de origem do seu “pin”.

Esta “metadata” é basicamente o título da sua página e a descrição que aparece nos resultados de pesquisa do Google. Isto significa que o título e descrição do seu artigo de blog optimizado para SEO irão aparecer no Pinterest…

Aumentando o tamanho da descrição do seu “pin”, adicionando mais texto relevante para o algoritmo do motor de busca do Pinterest, e fazendo com que o seu texto seja ainda mais apelativo (o que levará a mais re-pins e cliques para o seu site!).

Portanto, criar uma conta de empresa Pinterest é essencial para a sua estratégia de marketing. Se ainda não o fez, clique neste link para começar: https://business.pinterest.com/pt-pt/creating-your-account.

Depois disso, vá às definições da sua conta, e reivindique o seu website, para poder receber análises detalhadas da performance dos seus pins: https://www.pinterest.pt/settings/#claimWebsite.

E finalmente, adicione a funcionalidade de pins detalhados, seguindo as instruções aqui: https://business.pinterest.com/pt-pt/rich-pins.

Assim que publicar o seu primeiro “pin” a partir do seu artigo de blog, tem também a opção de criar “pins” adicionais que pode direcionar para o mesmo artigo.

Com isto, abrirá ainda mais “portas” no Pinterest para o seu website. Cada “pin” torna-se num backlink, ajudando ainda mais no seu SEO.

Veja como criar a sua conta de empresa Pinterest e reivindicar o seu website no vídeo abaixo:

O Pinterest como Motor de Busca

pinterest marketing, marketing pinterest, pinterest o que é

A vantagem competitiva do Pinterest é o facto de ser o maior motor de busca de imagens do mundo.

Isto significa que você tem que perceber como o seu algoritmo associa a relevância de palavras-chave pesquisadas no motor de busca aos resultados de pesquisa.

Como tal, é possível garantir que os seus “pins” são mostrados a pessoas que pesquisam por palavras-chave relacionadas com o seu conteúdo.

Grande parte da informação que o Pinterest retira do seu “pin” advém do texto que vem da “metadata” do seu website.

Por isso, desde que faça uma pesquisa de palavras-chave de maneira eficaz e inclua títulos e descrições optimizados nos seus artigos de blog, então os seus “pins” já estarão optimizados.

Para além da metadata, pode também usar hashtags relevantes. Apesar de não serem o “core” do Pinterest como é o caso do Instagram, adicionar 2 ou 3 hashtags pode aumentar a sua visibilidade.

No entanto, o Pinterest indexa os resultados de pesquisa com base na descrição do seu pin e na metadata do seu pin detalhado.

Garanta que as suas descrições são apelativas para que levem ao clique, mas também ricas em palavras-chave relevantes, para que os seus pins apareçam nos resultados de pesquisa.

​Adicionar “Pins” em “Boards” (Álbuns)

pinterest marketing, marketing pinterest, pinterest o que é

Até aqui, você já criou a sua conta de empresa Pinterest e reivindicou o seu website, já adicionou a funcionalidade dos pins detalhados, e já adicionou o plugin “Pinterest Pin It Button” para que os visitantes possam fazer “pin” das imagens do seu website.

O próximo passo é adicionar “pins” relevantes a cada “board” (álbum). Vai querer que os seus álbuns estejam bem preenchidos, para que os utilizadores vejam que você é um verdadeiro utilizador do Pinterest (e não um spammer).

Pode usar os seus próprios “pins” (prioridade), mas pode também usar os pins de outras pessoas, desde que sejam relevantes para o seu álbum e tenham qualidade.

É recomendável que os seus “pins” tenham um design consistente, para reforçar a imagem da sua marca e criar reconhecimento.

Use as cores e o estilo de fonte do seu website, para que as pessoas se familiarizem com o seu conteúdo.

Se o design não for o seu forte, e se não tiver colaboradores na sua equipa, pode contratar assistentes virtuais em sites como o Fiverr.com ou UpWork.com.

Outra opção interessante para quem está a começar, é usar o Canva.com. Inclui dezenas de templates gratuitos que pode usar para criar “pins” apelativos de maneira rápida e simples.

E pronto.

Com isto, tem em mãos uma estratégia única para gerar tráfego orgânico adicional para o seu website…

Que poucos websites concorrentes seus conhecerão!

Comece hoje a ganhar uma vantagem competitiva e a aproveitar o crescimento desta rede social/motor de busca desvalorizado.

Um abraço,

-Tiago “Pin It” Faria

About the Author Tiago

O Tiago é um especialista em marketing digital que ajuda negócios locais a criar activos online para a vida através de estratégias simples, económicas e automáticas. Depois de 8 anos a trabalhar na Google em Dublin, este blog é o resultado de anos de experimentação e aprendizagem nas áreas de criação de conteúdo, SEO, copywriting e conversões online.

follow me on:

Leave a Comment: