como criar um blog, criar um blog, como fazer um blog, como criar um blog de sucesso, como criar um blog pessoal, como criar um blog passo a passo, como criar um blog personalizado

Como Criar um Blog de Sucesso em Apenas 7 Simples Passos

Será que deve começar um blog?

Uma das melhores coisas da internet é a incrível quantidade e variedade de blogs que temos acesso.

É possível encontrar blogs em qualquer nicho imaginável…

E estes são uma plataforma incrível de educação, inspiração e criação de comunidades.

Criar blogs é benéfico tanto para empresários, empreendedores, escritores, ou mesmo para pessoas que queiram partilhar um hobby ou experiência de vida valiosa.

como criar um blog, criar um blog, como fazer um blog, como criar um blog de sucesso, como criar um blog pessoal, como criar um blog passo a passo, como criar um blog personalizado

No entanto, para se criar um blog de sucesso é necessária dedicação, consistência e tempo

Mas os benefícios desses esforços podem ser extremamente recompensadores.

Neste artigo vou revelar-lhe os 7 passos essenciais que você precisa de seguir para criar o seu próprio blog.

Se decidir seguir este guia, estes 7 passos irão ser úteis para lhe ajudar a evitar os erros mais comuns, e ultrapassar os obstáculos que advêm.

Mas antes de começarmos, considere estes dois pontos importantes:

Qual é a sua Motivação para Começar um Blog?

Criar conteúdo de qualidade consistentemente para um blog é uma responsabilidade tremenda.

Irá precisar de dedicação por longos períodos de tempo, persistência e consistência até começar a ver resultados.

E quando começar a ver resultados, não pode parar!

Lembre-se que você será um parceiro para os motores de busca.

E essa relação é mutuamente benéfica:

Você cria conteúdo de qualidade que responda às perguntas dos utilizadores dos motores de busca, fazendo com que voltem mais vezes, e que sejam expostos a mais anúncios...

E como consequência, os motores de busca irão compensar enviando tráfego para o seu website.

Portanto, se realmente quer começar um blog, lembre-se que será algo que terá que fazer consistentemente para manter essa relação viva e frutífera.

Antes de começar, pense na sua motivação para criar o blog.

É porque quer começar a fazer dinheiro?

É porque quer partilhar a sua opinião com o mundo?

É porque gosta de ajudar pessoas a ultrapassar os seus problemas?

É porque gosta de um tópico em específico e quer partilhar os seus conhecimentos?

Considere seriamente estas perguntas…

Uma vez que se a sua motivação for apenas a primeira (dinheiro), simplesmente não funcionará.

Monetizar um blog é um processo longo e trabalhoso…

Mas se genuinamente adorar o tópico do seu nicho de mercado, a sua audiência, e se estiver disposto a escrever conteúdo de qualidade consistentemente…

O potencial é tremendo!

​Você Não Precisa de Ser um Especialista para Começar

Muitos de nós sentimos paixão por um tópico específico…

Mas nunca começamos um blog... por termos medo.

Medo de não saber o suficiente sobre um tópico, ou medo de não ter as qualificações necessárias.

Mas, e depois?

Se você realmente gosta do tópico, sente que tem algo para dar ao mundo, e está disponível para trabalhar duro e de maneira inteligente

Terá sucesso.

Simplesmente comece a escrever.

Comece o seu desafio 90 dias de marketing de conteúdo, e verá que as ideias começam a aparecer e a confiança a subir.

Bom, se depois de pensar bem nestes dois pontos importantes sentir que é isto que realmente quer…

Comecemos então pelo primeiro passo:

1) Escolha o Domínio para o Seu Blog

como criar um blog, criar um blog, como fazer um blog, como criar um blog de sucesso, como criar um blog pessoal, como criar um blog passo a passo, como criar um blog personalizado

Escolher o domínio do seu blog é um dos passos mais importantes.

O nome deve ser fácil de lembrar, fácil de escrever, e deve “soar bem”.

Decida se quer usar o seu nome próprio (como o caso do meu blog) ou uma marca.

Se planeia ser visto como um especialista, criar infoprodutos, publicar livros, ser convidado para seminários e workshops, etc., usar o seu nome próprio é o ideal.

Por outro lado, usar o seu nome dar-lhe-á flexibilidade no futuro se quiser começar a cobrir mais tópicos/nichos.

O lado negativo é que se no futuro quiser vender o seu blog, será mais complicado uma vez que você é a marca (e não fará mais sentido sem você).

No caso de criar um blog com nome de marca, será o ideal se quiser focar-se num nicho bastante específico como “Bitcoin” ou “Dieta Cetogénica”...

Pelo que o nome do blog deverá então refletir esse tema.

2) Escolha a Plataforma do Seu Blog

como criar um blog, criar um blog, como fazer um blog, como criar um blog de sucesso, como criar um blog pessoal, como criar um blog passo a passo, como criar um blog personalizado

A escolha da plataforma na qual vai criar o seu blog é também crucial.

Deve ser uma plataforma de confiança e escolhida a dedo…

Uma vez que não existe nada pior do que criar um blog inteiro, e ver a plataforma fechar a sua conta sem qualquer razão…

E é por isso que na minha opinião a única solução viável é o WordPress.org.

O WordPress é incrivelmente fácil de usar e customizar de acordo com as suas preferências.

Para além disso, os motores de busca adoram a plataforma (experimente por si mesmo ver em que plataformas foram criados os websites que aparecem no topo das pesquisas, usando a opção “View Page Source”...).

Por outro lado, é continuamente mantido por um exército programadores voluntários em todo o mundo que atualizam, melhoram a segurança e constroem novas funcionalidades.

E o melhor de tudo?

É totalmente grátis!

Na verdade, o WordPress é um dos projetos open source mais bem sucedidos de sempre!

No entanto, criar um blog profissional nunca é verdadeiramente grátis.

Precisa de um domínio (como viu no passo anterior), precisa de um servidor para alojar o seu blog, e precisará mais cedo ou mais tarde de um tema pago e de plugins pagos (como por ex. carrinho de compras).

Mas mesmo assim, quando comparado com plataformas tudo-em-um como o Wix, Webnode ou Squarespace, o WordPress.org é mais economicamente viável e 10X mais poderoso!

Para além de o seu blog ser completamente seu, para sempre (ao contrário das plataformas tudo-em-um, onde o seu blog será sempre propriedade dessas plataformas).

3) Escolha o Alojamento Web para o Seu Blog 

como criar um blog, criar um blog, como fazer um blog, como criar um blog de sucesso, como criar um blog pessoal, como criar um blog passo a passo, como criar um blog personalizado

Pense no alojamento web do seu blog como se fosse um apartamento que aluga.

Você aluga espaço na empresa de alojamento web num dos seus servidores, que é mantido e gerido para que o seu blog esteja online 24h por dia.

Recomendo vivamente o A2Hosting.com, uma vez que o seu apoio ao cliente é de excelência (obtenho sempre respostas em 2 horas)...

Instalam o WordPress por si, é fácil de usar, e é bastante acessível (o plano básico começa nos €3.38/mês!).

Se quiser garantir que o seu blog carrega rapidamente, pode escolher a opção “Turbo”, mas para começar a versão básica é mais do que suficiente.

Quando compra o pacote WordPress, o A2Hosting instala o WordPress na sua conta por si gratuitamente.

5 estrelas!

4) Escolha o Tema do Seu Blog Personalizado

como criar um blog, criar um blog, como fazer um blog, como criar um blog de sucesso, como criar um blog pessoal, como criar um blog passo a passo, como criar um blog personalizado

O tema do seu blog irá ditar o estilo, design, cores e aspecto geral.

O WordPress inclui vários temas gratuitos, e existem também temas pagos que são desenvolvidos por developers externos.

Mas o que é de facto importante realçar, é que a qualquer momento pode editar e mudar o aspeto do seu tema…

Portanto não se preocupe muito com o aspecto ao início.

O que realmente importa é o conteúdo.

Assim que começar a ganhar ritmo a criar conteúdo de qualidade, pode então começar a melhorar o design e look to seu blog.

Escolha um tema básico que pareça profissional, e comece a escrever…

Mas assim que o seu blog está já ganhou impulso e está a ganhar tracção, chegará a altura de pensar em temas premium.

Há um tema específico que recomendo vivamente: Thrive Themes.

Este oferece uma variedade de temas, mas o aspecto mais importante do Thrive Themes é o facto dos temas serem extremamente rápidos e leves.

Por outro lado, oferecem ferramentas de marketing incríveis como email opt-ins (para criação de lista de emails), possibilidade de criar funis de vendas, fazer testes A/B, e muito mais.

Não é por acaso que a Thrive Themes denomina-se como “temas focados em conversões”.

No entanto, não se esqueça do mais importante:

Focar-se em criar conteúdo de qualidade, de maneira consistente e por longos períodos de tempo:

5) Criação de Conteúdo para o Seu Blog

como criar um blog, criar um blog, como fazer um blog, como criar um blog de sucesso, como criar um blog pessoal, como criar um blog passo a passo, como criar um blog personalizado

Este é de facto o passo crucial.

E porquê?

Porque nenhum blog pode obter sucesso se não criar conteúdo de qualidade consistentemente.

Uma coisa importante quando estiver a começar é produzir conteúdo extremamente focado num tópico específico do seu nicho de mercado.

Isto faz com que seja mais fácil para os motores de busca perceberem o tópico principal do seu blog e começarem a indexar as suas páginas nos resultados de pesquisa

Para além de ajudar a criar a sua base de leitores.

Outro objetivo será publicar artigos regularmente.

Pode escolher certos dias da semana para publicar, dependendo do tempo que tenha disponível…

Mas seja consistente!

E se estiver particularmente entusiasmado por começar, considere começar o tal desafio de 90 dias seguidos de criação de conteúdo (encontro-me no dia 66 na altura de escrita deste artigo!)

Uma boa ideia para quando estiver a dar os primeiros passos é fazer um brainstorm profundo e criar uma lista de potenciais tópicos para o seu conteúdo.

Isto irá ajudar a publicar conteúdo regularmente, perdendo menos tempo a procurar ideias no futuro.

2 coisas que irão ajudar a criar conteúdo de qualidade consistentemente:

Organização

Antes de começar a escrever um artigo, organize os seus pensamentos e escreva os pontos principais que quer desenvolver, seguindo uma ordem lógica.

Depois, comece por escrever a introdução, onde o seu foco deverá estar em descrever o que irá cobrir no artigo, e em criar curiosidade para o que aí vem.

De seguida, desenvolva os pontos principais que organizou ao início.

E por fim, escreva a conclusão que faz um resumo dos pontos que cobriu no artigo, e incentiva o leitor a deixar um comentário (ou a realizar uma ação específica que será benéfica para si).

Encontre a Sua Voz

Escolher um estilo de escrita e mantê-l0 consistentemente é crucial para criar uma audiência e obter reconhecimento imediato.

Decida qual vai ser a sua “grande ideia”, a sua mensagem principal que abrange todos os sub-tópicos, e relembre sempre os leitores do seu ponto de vista único.

Pode usar linguagem formal, ou informal.

Pode incluir humor, escrever na primeira pessoa ou terceira pessoa…

Escolha o tom mais adequado para o seu nicho e para a sua personalidade…

Mas mantenha sempre a consistência!

Edição do Seu Artigo

Não há nada pior do que ter um blog cheio de erros gramaticais ou lapsos.

Reveja sempre o seu artigo antes de publicar e, se possível, peça a uma terceira pessoa para o ler.

Ter mais olhos a olhar para o seu artigo é bastante útil, uma vez que poderão encontrar erros que lhe tenham escapado.

6) Plugins e Widgets

como criar um blog, criar um blog, como fazer um blog, como criar um blog de sucesso, como criar um blog pessoal, como criar um blog passo a passo, como criar um blog personalizado

Assim que tem todas as componentes do seu blog organizadas, pode então começar a incluir os extras: plugins e widgets.

Estes são ferramentas que pode instalar no seu painel de WordPress, que ajudarão a melhorar a performance e aparência do seu blog.

No caso dos plugins, tratam-se de ferramentas que os leitores não vêm, mas que ajudam o seu blog em termos de SEO, analytics, segurança, e optimizações variadas.

Em relação aos widgets, tratam-se de plugins que são integrados diretamente no seu blog e são visíveis aos leitores, tais como botões de redes sociais, calendários, galerias de fotos, etc.

Tanto os plugins como os widgets são ferramentas incríveis para melhorar a performance do seu blog, e para fazer com que pareça mais profissional, divertido, e fácil de interagir.

No entanto, tente controlar a quantidade de plugins que instala, uma vez que podem diminuir a velocidade do seu blog.

​7. Redes Sociais

como criar um blog, criar um blog, como fazer um blog, como criar um blog de sucesso, como criar um blog pessoal, como criar um blog passo a passo, como criar um blog personalizado

Para que possa crescer uma audiência, precisa de partilhar o seu conteúdo com regularidade.

Não há volta a dar. Precisa de aprender a utilizar as redes sociais onde os seus potenciais leitores congregam.

Retire aquilo que sinta que é a melhor citação do seu artigo, e inclua uma foto apelativa para partilhar no Instagram, Facebook, ou Pinterest.

Use essas citações e partilhe-as no Twitter, sempre incluindo um link para o seu blog.

As redes sociais são uma ferramenta poderosa que todos nós temos acesso gratuitamente.

Não perca a oportunidade de pôr o seu conteúdo em frente das pessoas que fazem parte do seu nicho de mercado…

Comece por uma rede social e domine-a. 

​Depois, passe para a seguinte... e assim sucessivamente.

Trabalhe mais do que a sua concorrência, publique com mais frequência e interaja mais com os utilizadores.

Só assim poderá criar uma audiência de fãs incondicionais.

​Concluíndo

Demasiadas pessoas criam blogs com o único intuito de fazer dinheiro…

O que é uma abordagem completamente errada.

A preguiça e impaciência aparecem quando apenas persegue o dinheiro...

Quando se apaixona pelo processo é quando as coisas começam a funcionar.

Como mencionei no início deste artigo, para verdadeiramente ter sucesso (em qualquer esfera de negócio, para ser honesto…) precisa de estar verdadeiramente comprometido em servir e ajudar uma audiência específica.

Se realmente estiver apaixonado pelo seu nicho de mercado, se criar conteúdo de qualidade consistentemente, e se criar uma ligação com os seus leitores…

Poderá com certeza fazer dinheiro com o seu blog!

Siga os passos descritos neste artigo, e dedique-se em exclusivo a criar conteúdo de qualidade, que resolva os problemas dos seus leitores e os ajude a alcançar os seus objetivos.

Se tem algum comentário ou sugestão que não tenha incluído aqui, por favor deixe um comentário!

Significaria o mundo para mim.

Um abraço,

-Tiago “o conteúdo é o caminho” Faria

About the Author Tiago

O Tiago é um especialista em marketing digital que ajuda startups a criar activos online para a vida através de estratégias simples, económicas e automáticas. Depois de mais de 7 anos a trabalhar na Google em Dublin, este blog é o resultado de anos de experimentação e aprendizagem nas áreas de criação de conteúdo, copywriting e conversões online.

follow me on:

Leave a Comment: